quinta-feira, 22 de maio de 2008

Filho único X muitos filhos

Eu com meus lindos, amados e preciosos 3 filhos!

****** ATENÇÃO: NEM TODA MÃE DE FILHO ÚNICO PENSA ASSIM! E MINHA MÃE É MÃE DE FILHA ÚNICA (euzinha) E NÃO ERA ASSIM! ******

Acho que toda mãe deveria ter mais de um filho. Acho que toda criança deveria ter ao menos um irmão.

Acho que ser mãe de um filho só, prejudica a mãe e prejudica o filho. A mãe fica cega e passa a enxergar só o seu único, amado e precioso filho. Ele passa a ser o melhor em tudo e ela acaba achando que também sabe tudo, afinal o filho dela é perfeito! Como não tem outros filhos pra se preocupar passa se preocupar demais com o seu único filho! Sabe de cor quantos xixis fez, quantos cocôs, o cheiro do pum, quantos grãos de arroz comeu e se tomou os ml de água recomendados pelo pediatra! Sempre acham que apesar do seu filho se mais inteligente que as outras crianças, mais desenvolvido, mais expressivo é mais magro que todas elas!!!! Ela sempre acha que ele nunca é gordo o bastante e que precisa comer sempre mais! Acho que é quase uma anorexia inversa que atinge somente mães!
Conversei com uma mãe que dava caldo de feijão na seringa pro filho de 1 ano e 3 meses. Este por sua vez exibia lindas e gordas bochechas rosadas! Mas aos olhos de sua zelosa mãe ele era uma criança pequena e magra que se alimentava muito mal! Outra mãe que eu conversava defendia arduamente a amamentação exclusiva até os seis meses! Achei maravilhoso! Mas logo veio com a pérola: "só fui dar mamadeira pra ele quando ele tinha 1 ano!" Eu perguntei se ela não poderia ter dado então um copo de bico, já que ele era grandinho pra começar com mamadeira! Mas como mãe de filho único perfeito ela sabia que aquilo não era prejudicial pois seu filho também tomava no copo!
Ser mãe de mais de um filho é perfeito! Depois que temos o segundo filho aprendemos coisas importantes! Sim, só depois do segundo, pois até então ainda somos mães de filho único e cometemos todos os graves erros citados anteriormente!!! No momento que ouvimos o choro do segundo filho um interruptor é ligado! Descobrimos que o primeiro filho é tãããooo grande! Lembramos como ele já foi pequeno e começamos a perceber que tanto zelô não fez nosso pequeno ficar pequeno!!! Eles crescem! Aprendemos que bebês não quebram, não mesmo! Que os micróbios também ficam pelo ar e que por mais que tranquemos o bebê em casa eles dão um jeito de entrar, então pra que mantê-lo trancado??? Aprendemos que é impossível um bebê se esvair em lágrimas por mais que chore. Depois do segundo filho você vai ter dois pra dar atenção, por tanto você aprende que atenção exclusiva não existe e um dos dois uma vez ou outra vai ficar chorando e esperando! Passar meia hora da hora da refeição não vai fazer seu bebê comer a própria língua de fome e se caso tiver que pular uma refeição e dar só um leitinho ele não vai ficar desnutrido! Aprende também que se seu filho recusar uma refeição ele não vai perder quilos, não vai deixar de crescer, não vai ficar menos inteligente! Ele vai acabar comendo uma hora ou outra! Aprende que seu bebê é gordinho sim! Mesmo que ele seja mais magro que o bebê do vizinho! Seus filhos passam a ser normais! Você percebe que eles são bagunceiros, escandalosos, chorões, briguentos, comem pouco ou comem muito e o que é pior, não são melhores nem piores do que as outras crianças! São só crianças!
Todas as crianças normais falam, andam, tem dentes. Não importa quando essas coisas aconteceram, importa que com 4 anos TODAS sentam até de cabeça pra baixo, TODAS andam até de costas, TODAS mastigam até de boca aberta e TODAS falam pelos cotovelos (tá certo que algumas ainda cometem alguns errinhos, mas um dia isso passa).
Acho que para o bem geral das crianças e o bem geral das mães excessivamente zelôsas o mundo deveria proibir o filho único!
Obs.: A China proibindo o segundo filho e eu querendo o número quatro. HAHAHAHA

3 comentários:

Rosana Oshiro disse...

PARABENS PELA FAMILIA LINDA!
TER MUITOS FILHOS EH MUITO BOM MESMO...
BJS
ROSANA

marilene disse...

Adorei seu texto! Dei muita risada e fiquei pensativa! Porque por mais que não queiram, as mães de filho único fazem isso muitas vezes (eu sou mãe de filha única!) Estou pensando seriamente no segundo, pois acredito só farei bem pra mim e pra minha filha que já está pedindo um irmãozinho!
Eu tenho 5 irmãos e adoro isso!
Amei a sua família! Deus abençoe e lhe dê muita saúde!!!

Angela disse...

Olá Larissa,
Adorei o texto. Também tenho três filhos. Só que nunca tive filho único, pois já vieram dois logo no início e olha, fiz as mesmas besteiras de super-proteção. Tenho um caderno com os horários e minutos de duração de todas as mamadas! Só da segunda vez é que aprendemos a ser normais mesmo.
Abraços,
Angela.